,

sábado, 18 de julho de 2009

J..J Makaro fala sobre as cenas de luta em New Moon


Opa! Ausente estou,heim?!
É eu sei,mas faculdade é algo que suga a gente! :(
Tô de volta! \o/
VAleu a todo mundo que manteve o Blog de pé, especialmente a Vih, você é demais! :)

Voltando a noticia...

Pra quem não sabe, J.J Makaro é o creografo das lutas de New Moon. Yeh, babe! :)
Ele deu uma entrevista ao Hollywood.com falando sobre seu trabalho e coom foi trabalhar em New Moon. Vale a pena ler. :)


Quão diferentes serão as lutas e as técnicas de suspensão em Lua Nova?

Estamos a esforçar-nos para ter um visual próprio. Basicamente, o que estamos a fazer é evitar tudo o que já se viu em filmes de vampiros. Se já se viu antes, vamos tentar evitar isso, tentar imaginar uma forma diferente de fazer. Espero que consigamos fazer algo realmente bom.


No primeiro filme, a meta era fazer algo mais como o estilo de acção de Hong Kong. Vocês vão fazer muito diferente disso?
Sim. Nós estamos a tentar diminuir o aspecto Hong Kong e deixar mais real. Referindo-me aos actores, nós gastamos muito tempo a falar com eles sobre o que as personagens seriam e que tipo de performance. Ao invés de ensiná-los como lutar num estilo particular, estamos a tentar adaptar as nossas lutas para se encaixarem ao estilo deles, que eles já trazem consigo.
Não há muitas lutas neste filme. A maior parte são perseguições ou saltos e a transição entre humano e lobo, e passar o facto de que os rapazes lobos são algo que ainda não entendemos.
Temos que fazer suspenções (wirework) mas estamos a tentar não fazer muito disso. Não queremos cair na coisa flutuante de Hong Kong, que vês o todo tempo, vampiros a lutar no ar e tudo isso. É uma difícil, porque fios são fios, e isso é um problema por si só. Os fios acabam por deixarr tudo muito flutuante. Então estamos a ter muitos problemas para achar um balanço que nos dê o suficiente para que pareça sobrenatural sem ficar exagerado.



Como está o trabalho de suspensão de Rachelle?

Ela está a fazer um excelente trabalho para nós. Ela e sua dupla têm uma grande sintonia, e comunicam muito bem. Estivemos na floresta a atirar a dupla para todos os lados, constantemente em árvores até que obtivessemos tudo que precisavamos para ter a certeza que não magoariamos Rachelle, e então fizemos algumas coisas com ela. Ela fez algumas coisas realmente muito boas. E ela é forte. Não tivemos que cuidar dela como um bebé. Ela é muito sagaz e uma trabalhadora séria. Então foi um prazer trabalhar com ela.



Qual a cena mais desafiadora deste filme para vocês?


Achoque em termos de complicações, vai ser a luta. Como disse, queremos fazer algo diferente. Está a ficar bom, porque impusemos tantos limites nos métodos necessários para fazer tudo funcionar que acabaram por criar algo original. É realmente animador ver como é isso.


Que adjectivos usarias para descrever?


O que estamos a tentar fazer é adentrar o mundo dos vampiros. Todos olham com a óptica do mundo humano. Então vemos voos no ar. Ou vemos todas essas coisas que imaginamos, mas na realidade, eles são mais rápidos que nós; Então há muita coisa que acontece que nós normalmente não vemos.
Na maioria dos filmes, viras-te e o vampiro está lá e no instante seguinte está outro lugar. Estamos a tentar adentrar o mundo deles e ver o que acontece nesses instantes e então voltar para o nosso mundo e ver como é. E tentar encontrar a justaposição de tudo isso é onde está a parte mais interessante desta luta em que estamos a trabalhar.


Quanto de efeito computacional está a ser usado para criar a luta?

Há uma boa parte. Mas a piada de fazer este tipo de filme é concentrar-se em usar o computador para melhorar o que está a aconter e não usá-lo para contar a história. Então temos muito trabalho de computação gráfica aqui. Há partes que só foram possíveis assim, porque fisicamente não podes criar aquele elemento, mas a maioria é apenas para limpeza. Nós fazemos algo e eles vão lá e limpam o que fizemos, com o computador.



Fonte: Hollywood.com e Foforks

Adaptação: Twilight Portuga

Um comentário:

Giovana* disse...

nãao tem muitas lutas mesmo em new moon '